quinta-feira, 28 de dezembro de 2017

Cadê Você Ministro Jungmann?

Olá leitor!

Ministro da Defesa Raul Jungmann
Mais um ano de fantasias e de desmonte do Programa Espacial do País onde vendedores de ilusões, incompetentes e mal intencionados continuam em cargos chaves do programa quando não deveriam, enquanto um dos que poderia fazer algo vive alardeando na mídia a decisão governamental de criar um novo modelo de governança para PEB, modelo este que prevê a criação de um Conselho Nacional do Espaço (CNE), de um Comitê Executivo do Espaço (CEE) e o reposicionamento da nossa Agência Espacial de Brinquedo (AEB) na estrutura de governo.

Ora leitor, é claro que nos referimos ao Ministro da Defesa Raul Jungmann, que ao lado desta nova iniciativa luta também para abrir novos sítios de lançamento para outras nações na área do Centro de Lançamento de Alcântara (CLA), tendo como projeto mais adiantado neste âmbito a possibilidade de abertura de um sítio para empresas norte-americanas.

Vale dizer que desde o primeiro governo do LULA o Jungmann é sem duvida o mais ativo ministro na questão espacial, inclusive sendo o primeiro a levar em visita oficial um Presidente da Republica ao CLA, desde a implantação dos governos civis. Porém fica a questão, qual será a real intenção por de trás disso tudo?

Temo que infelizmente não sejam intenções nobres, já que se o ministro tivesse realmente boas intenções, deveria primeiramente está debruçado para atender situações emergenciais do programa, projetos mobilizadores que estão parados ou andando a passo de tartaruga, e assim jogando o futuro espacial do Brasil na obscuridade do fracasso, e do desperdício de recursos públicos, (ex: Projeto SIA, VLM-1, Projeto SARA e o Projeto dos motores L15 e L75), seja por excessiva burocracia, seja por estupidez, por falta de foco, de visão, de brasilidade e também e principalmente, por interferência politica e até mesmo de ações de inteligência estrangeira.

Não há como negar a importância desses projetos para o desenvolvimento espacial do país e da própria área de Defesa, bem como para a nossa consolidação como potencia espacial. No entanto, se não houver uma interferência severa e competente do governo, buscando soluções, gerando uma politica espacial de verdade e efetiva, uma logística humana de qualidade, a infraestrutura física necessária, um sistema adequado de contra-inteligência e principalmente cobrando por resultados, o Brasil não fará parte do Clube das nações que dominam o acesso ao espaço. O tempo está passando e a distancia se ampliando ano após ano. Cadê você ministro Jungmann?

Duda Falcão

4 comentários:

  1. " CALMA BRSONAUTAS !! AINDA HÁ UMA ESPERANÇA: NÃO TENTE LUTAR CONTRA O FOGO, QUE TENTA NOS ATRASAR, APENAS MOVER-SE PARA UMA DISTÂNCIA SEGURA E APRECIAR A VISTA, EM BREVE O SEU OXIGÊNIO SE ACABARÁ"

    Nós, pesquisadores fanáticos pelo PEB, sempre nos autodefinimos...a partir da habilidade de superar o impossível, superar todas as mazelas políticas que distorceram com o fogo do inferno, os trilho do sucesso do nosso Programa Espacial. Contamos e vivenciamos, cada momento de pequenos avanços científicos, durante esses anos, caracterizado como alternativas de oxigênio medicinal, para contornarmos um palavra, difícil de dizer : - FINAL DO PEB!!, O2 de esperança, que nos alimenta em acreditar, um possível desastre científico !!!!!! Santos Dumont, teve que alçar voo, com seu 14-Bis, fora de nossa mãe pátria, o padre Bartolomeu de Gusmão, também, não foi o contrário, com seu balão de ar quente. Em fim! Chegou a hora de desborcarmos uma reação em cadeia, iremos fazer com os nossos projetos, a partir de 2018 a real diferença!!!!! Ousaremos daqui para frente, mirar mais alto, representando o nosso ícone, o fantástico FOGUETE VLS, que nunca alcançou a faixa limiar dos 100 km, não por falta de competência, mais sim por falta de inúmeros programas responsáveis de governos.
    Vencer a lei da gravidade, está sendo uma maratona sem fim. Tentar alcançar as estrelas, só em sonhos, para todos, está se tornando um grande pesadelo coletivo. Tornar conhecido o desconhecido está além dos nossos horizontes. Creio que as grandes realizações que tanto almejamos, as quais nos orgulharemos, serão concretizadas num futuro próximo, uma vez que surgiram inúmeros grupos universitários que não deixarão de hipótese alguma o legado do nosso PEB, morrer nas mãos dos parlamentares incompetentes por natureza.
    São as importantes realizações, tais como: ( Festival de Mini-foguetes de Curitiba; Corbuf; SpacCamp; festival OBA e; tantos outros lançamentos feitos por pesquisadores pioneiros, tais como: CEFEC; CEFAB; CUT; CEPA; H2O e tantos outros).
    Tentaremos todos unidos, estimular a imaginação de uma geração que há por vir, nos substituir a altura. Será que abriremos a guarda, e perderemos a oportunidade de galgarmos, passo-a-passo, conquistarmos um pedacinho do céu, para nossos ALGOZES, dentro do nosso próprio país?
    Não! Não! chega de ficar para trás, o nosso destino está bem acima de nossa vã filosofia, está além da órbita da terra, além dos planetas...além das estrelas!!! Feliz 2018 para todos os entusiastas e Brasonautas deste Brasil. E VIVA O PROGRAMA ESPACIAL BRASILEIRO!!!!".

    ResponderExcluir
  2. Durante décadas ouvi frases do tipo: não vamos caçar bruxas vamos olhar pra frente... Mas são essas bruxas que não nos deixam caminhar pra frente. Elas precisam ir para a fogueira.
    Os problemas do PEB bem como das demais áreas de desenvolvimento público são mais do que conhecidas, mas não queremos enfrentá-las. Vai doer? vai. como qualquer cirurgia para extrair um câncer mas sem ela a morte é certa. Não adianta dizer que o problema é falta de verba (quando não se consegue gastá-la devido à burocracia absurda) nem que é falta de pessoal (que mal cumprem expediente e teem um desempenho pífio) nem mudar a governança se os dirigentes não forem colocados na posição de direção por mérito e competência.
    Hoje ainda temos um contingente de pessoas que foram formadas ao longo desses quase 50 anos em projetos de verdade (cursos no exterior só consolidam experiência quando se trabalha em projetos de verdade) mas é edição limitada. Ainda há esperança mas ela não se concretizará sem que os verdadeiros problemas sejam resolvidos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. " Há tantos parlamentares despreparados e, ignorantes de formação, não concursados, que não falam se quer a língua universal ( o Inglês )fluentemente. Há princípio, Vereador para mim, tinha que ser Universitário. Legislativos que acima de tudo, não concursados, sem uma formação universitária, que se dizem, doutores das leis, mandando em homens de pura inteligência; mestrados, poliglotas e, intelectuais. As vezes, fico pensando que a BURRICE é uma ciência inversamente proporcional, quanto mais você se capacita, mais burros despreparados, governar o país.
      Feliz 2018 !! Mister Heisenberg ! Apreciei seu comentário, que sempre atingirá na mosca, uma ferida que ainda está aberta no amago da sociedade, na maioria menos esclarecidas. A questão é a seguinte: - A realização de um sonho em conquistar o espaço, depende unicamente,da união de todos os que se dizem patriotas de coração. A bandeira da independência, da revolução científica, tem que se levantada, agitada, pelas mãos dos grande ícones científicos, outras plêiades de pesquisadores amadores, segue na retaguarda, empunhando a bandeira da emancipação, em direção á Brasilia e AEB, exigindo respeito com o futuro do BRASIL. Só assim o PEB avança!!! É de se notar, ao longo dos anos, os CLAMORES do Blog Brasilia Space, sobre as reações " MÓRBIDAS " da comunidades científica, com seus parcos efeitos na Capital do país, ou na AEB. A maioria, espera em berço esplêndido, que o sonho de mudança do organograma estratégico do PEB, se realize por mágica, e ainda!!!! Sem esboçar uma atitude contundente, junto a esses péssimos governos anteriores e o atual.
      Hora meu caro amigo, me faça uma garapa! Todos dizem que nos somos seres assépticos, imunes as paixões, nada é tão falso essa declaração, feitas por pessoas abstratas.
      A ilusão não tira ninguém de onde está,..estático, na verdade lhe confesso!! a ilusão de muitos, que espera sentado, " farinha pouca primeiro o meu ", é na verdade o combustível dos perdedores acomodados.
      Quem quer fazer algo pelo PEB, encontra um meio diplomático, tô certo Brasonauta! Quem não quer fazer nada, encontra uma desculpa, depositando um reação do próximo PALADINO QUE VAI SURGIR NO MEIO CATEDRÁTICO ! "

      Excluir
  3. Foi aos Estados Unidos entregar a Embraer à Boing? Bem que o Duda avisou.Com a Boing não se brinca.E agora será uma mera montadora ou uma oficina de manutenção?Que bom se eu estiver equivocado.

    ResponderExcluir