terça-feira, 17 de março de 2015

MCTI Publica Curioso Despacho Ligado ao INPE

Olá leitor!

Diário Oficial da União (DOU) de ontem (16/03) publicou um curioso despacho do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), autorizando um servidor do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) a viajar para Bulgária a fim de participarem do evento “Space Challengers 2015”, e também participar de reuniões para discussão sobre cooperação com o INPE na área de montagem de satélites através de seu Laboratório de Integração e Testes – LIT. Abaixo segue o despacho como publicado no DOU.

Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação

DESPACHO DO MINISTRO

Em 13 de março de 2015 Afastamentos do País autorizados na forma do Decreto nº 1.387, de 07 de fevereiro de 1995:

JOSÉ SÉRGIO DE ALMEIDA, Tecnologista Sênior III do INPE, participação no evento Space Challenges 2015 através de apresentação de palestras técnicas relacionadas à Tecnologia Espacial e Testes Ambientais para Qualificação de Satélites, complementadas com participação em reuniões para discussão sobre cooperação com o INPE na área de montagem de satélites através de seu Laboratório de Integração e Testes - LIT, em Sofia/Bulgária, no período de 14.03 a 24.03.2015, com ônus limitado. Art. 1º, inciso V.

ALDO REBELO

Hummmm, interessante este despacho leitor. Será que o INPE acordou para a necessidade de ampliar seu mercado de serviços de montagem e integração de satélites? Tomara que sim, já que o LIT é ocioso na área para o qual foi criado sendo inadmissível continuar desta forma.

Continuar apostando que a AEB irá conduzir alguma iniciativa de venda de serviços há outras nações tendo um fantoche incompetente a sua frente, é mesmo que acreditar em histórias de mil e uma noites.

Já dizia Geraldo Vandré ao final da década de 60 Sr. Leonel Perondi: Vem, vamos embora que esperar não é saber, quem sabe, faz a hora, não espera acontecer”. Mensagem esta Dr. Perondi que até hoje infelizmente não foi assimilada pela Sociedade Brasileira, mas que neste momento aparentemente parece ter sido entendida pelo senhor.

Tomara Sr. Perondi realmente que este seja o seu caso e que as pessoas sérias que ainda compõem o COMAER na nossa obscura e corrupta Capital Federal, siga o seu exemplo colocando os ociosos Centros de Lançamentos Brasileiros (CLA e CLBI) também a disposição para nações, empresas, institutos e universidades nacionais e estrangeiras que também queiram utilizá-los para os seus experimentos, coisa que inclusive já deveria ter sido feita há muito tempo.

Duda Falcão


Fonte: Diário Oficial da União (DOU) - Seção 2 - pág. 08 - 16/03/2015

Nenhum comentário:

Postar um comentário