quarta-feira, 18 de março de 2015

MCTI Discute Cooperação Científica Com Rússia, Índia e China

Olá leitor!

Segue abaixo um comunicado postado hoje (18/03) no site da Agência Espacial Brasileira (AEB) destacando que o MCTI discutiu cooperação científica com Rússia, Índia e China, e entre os tema discutidos estava a cooperação espacial.

Duda Falcão

MCTI Discute Cooperação Científica
Com Rússia, Índia e China

MCTI


Brasília, 18 de março de 2015 – O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) discutiu nesta terça-feira (17) temas relacionados à cooperação espacial com representantes da Rússia, Índia e da China. Os estrangeiros estão no Brasil para participar da 4ª Reunião Ministerial dos BRICS, bloco formado pelo Brasil, Rússia, China, Índia e África do Sul.

Com a vice-ministra de Educação e Ciências da Federação Russa, Ludmila Ogorodova foi avaliada a ampliação de cooperação também em diversas áreas.

“São países grandes, com dificuldades e populações muito heterogêneas e há um espaço considerável para cooperar”, avaliou Prata. Segundo ele, há interesse em desenvolvimento tecnológico dos ambientes de inovação, meio ambiente, biotecnologia, nanotecnologia e na área espacial. “Temos a possibilidade, inclusive, de utilizar as nossas infraestruturas laboratoriais em conjunto”.

Ludmila Ogorodova reforçou o interesse russo frisando que “hoje, o Brasil se apresenta como um país que teve um impressionante desenvolvimento econômico, e isso fez com que aumentasse as atividades em ciência, tecnologia e inovação”, disse.

O presidente da Agência Espacial Brasileira (AEB), José Raimundo Braga Coelho, também participou da reunião com a comitiva dos BRICS.


Fonte: Site da Agência Espacial Brasileira (AEB)

Comentário: Realmente uma cooperação espacial com esses países poderia trazer benefícios para o Brasil em médio e longo prazo, mas para tanto as negociações teriam de ser conduzidas com visão, seriedade, competência, responsabilidade e principalmente comprometimento, porém tendo a frente dessas negociações este presidente fantoche e incompetente da AEB, aliado a esta debiloide e sua trupe de energúmenos no desgoverno atual, o mais provável é que venha mais merda por ai.

Nenhum comentário:

Postar um comentário