sexta-feira, 6 de março de 2015

Centro de Lançamento de Alcântara Comemora 32º Aniversário Com Homenagens a Amigos e Servidores

Olá leitor!

Segue abaixo uma nota postada hoje (06/03) no site do “Centro de Lançamento de Alcântara (CLA)” destacando que o CLA comemorou o seu 32º Aniversário de Fundação com homenagens a amigos e servidores.

Duda Falcão

Centro de Lançamento de Alcântara Comemora
32º Aniversário Com Homenagens a Amigos e Servidores

Sexta, 06 de Março de 2015, 15h12
Última atualização em Sexta, 06 de Março de 2015, 15h12


Foi realizada nesta sexta-feira (6/3), a cerimônia militar alusiva ao 32º aniversário de criação do Centro de Lançamento de Alcântara (CLA). Na solenidade estiveram presentes autoridades de Alcântara e São Luís ligadas aos poderes executivo, judiciário e legislativo, ex-Diretores do CLA, além de representantes do terceiro setor e lideranças comunitárias do município alcantarense. Durante o evento, seis personalidades receberam diplomas com o título de “Amigo do CLA” pela valiosa contribuição ao Programa Espacial Brasileiro (PEB). Também foram homenageados o Graduado Padrão, Praça Exemplar e Servidor do Ano, por terem se destacado em suas atividades no último ano.


A cerimônia, realizada no Pátio do Centro Técnico em Alcântara, contou com todo efetivo militar do CLA e foi presidida pelo Coronel Aviador Cláudio Olany Alencar de Oliveira, Diretor do Centro. O diploma com título de “Amigo do CLA” foi entregue pelo Coronel Olany ao Governador do Estado do Maranhão, Flávio Dino, Bira do Pindaré, Secretário de Ciência e Tecnologia do Estado do Maranhão, que na cerimônia representou o governador, bem como, também foi agraciado. Ainda ligados ao governo estadual, foram agraciados o Secretário de Segurança Pública, Jeferson Portela e a Secretária de Cultura, Ester Marques. O Capitão dos Portos do Maranhão, Capitão de Mar-e-Guerra Marcos Tadashi Hamaoka e o Presidente da Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (FIEMA), Edilson Baldez das Neves fecharam a relação dos “Amigos do CLA”. No âmbito do CLA, foi feita a entrega de prêmios aos civis e militares destaques do ano de 2014. Em discurso, o Diretor do CLA, Coronel Olany, enfatizou o contexto histórico que propiciou o nascimento do Centro e a contribuição da organização para o Brasil, para o Estado do Maranhão, bem como para o município de Alcântara. Segundo o Coronel Olany muitas tecnologias foram aprimoradas no setor aeroespacial por meio de lançamentos realizados no CLA, além do que a unidade da Força Aérea Brasileira (FAB) atua no cotidiano da cidade onde se situa por meio de ações de cidadania, educação e saúde. O término da cerimônia foi marcado pelo desfile da tropa em continência ao Diretor do CLA.


O CLA

Criado por meio do decreto federal nº 88.136 de 01º de março de 1983, o Centro de Lançamento de Alcântara tem por missão executar as atividades de lançamento e rastreio de engenhos aeroespaciais e de coleta e processamento de dados de suas cargas úteis, bem como a execução de testes e experimentos de interesse do Comando da Aeronáutica, relacionados com a Política Nacional de Desenvolvimento das Atividades Espaciais (PNDAE). No Centro são realizadas importantes atividades do Programa Espacial Brasileiro como o “Programa Microgravidade” quando são lançados experimentos científicos e tecnológicos a bordo de veículos que alcançam ambiente de microgravidade e fornecem dados para o aperfeiçoamento de pesquisas nas áreas de biotecnologia, eletrônica, mecânica, dentre outras. Em pouco mais de trinta anos, o CLA realizou o lançamento de 470 veículos espaciais nacionais e estrangeiros em um total de 93 operações realizadas até hoje. Por tudo isso, o CLA é conhecido como a “Janela Brasileira para o Espaço”.


Fonte: Site do Centro de Lançamento de Alcântara (CLA)

Comentário: Apesar de sermos entusiastas e defensores da existência desse centro de lançamento de foguetes, não há como não sermos coerentes com os fatos. Dito de outra maneira, apesar de seus 32 anos de existência o CLA ainda não conseguiu cumprir a principal missão para qual foi criado, ou seja, lançar satélites. Diante disso sinceramente não vejo o que comemorar, já que 32 anos depois de criado o resultado alcançado é pífio e talvez o único em toda a história da Astronáutica mundial. Mas enfim... ta aí a notícia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário